Questões

Total de Questões Encontradas: 04

Ano: 2010 Banca: CESPE Órgão: INMETRO Prova: Pesquisador - Conhecimentos Básicos
Texto Associado Texto Associado
Imagem Associada da Questão
Preservam-se a correção gramatical e a coerência textual ao se fazer a substituição
A
dos termos “tem suas vantagens” (l.13) e “tem desvantagens” (l.14) por têm suas vantagens e têm desvantagens, respectivamente. 
B
do trecho “suportes: já” (l.15) por suportes, pois já
C
do gerúndio “passando” (l.29) por que passa
D
dos sinais de parênteses, nas linhas de 6 a 10, por vírgulas. 
E
de “ninguém parou” (l.8) por alguém não parou.
Ano: 2010 Banca: CESPE Órgão: INMETRO Prova: Pesquisador - Conhecimentos Básicos
Imagem da Questão
Seriam mantidas a correção gramatical do texto acima e a coerência entre seus argumentos caso se
A
inserisse o termo atrás logo depois de “décadas” (l.3). 
B
deslocasse o pronome para depois do verbo em “nos daria” (l.5). 
C
retirasse o pronome em “foram os responsáveis” (l.8). 
D
eliminasse a expressão “não apenas” (l.13). 
E
inserisse o sinal indicativo de crase em “a mudanças” (l.15).
Ano: 2010 Banca: CESPE Órgão: INMETRO Prova: Pesquisador - Conhecimentos Básicos
Considerando que os fragmentos incluídos nas opções abaixo, na ordem em que são apresentados, constituem partes sucessivas de um texto adaptado de Eduardo Manoel Araújo — O equilíbrio entre globalização e localização, 2005. Internet: <www.umsonhopossivel.org.br> —, assinale a opção em que o fragmento está gramaticalmente correto.
A
Autoridade ou liberdade, conservação ou inovação, centralização ou descentralização. A história humana é rica em exemplos de temas que apresentam essa dialética dos opostos. E nesse tipo de temas acabamos, em muitas situações, enfrentando problemas pela ênfase excessiva em um dos extremos. 
B
É como se tivéssemos um pêndulo. Ele pode ser movimentado um lado ou para outro. Quando as pessoas começam a movê-lo para um lado, digamos para o esquerdo, elas aplicam uma força. Esta força lhe desloca e lhe adiciona energia potencial. 
C
No curto prazo é percebida como uma movimentação do pêndulo para o lado esquerdo. E quanto mais empurramos o pêndulo, mais energia potencial ele acumula. Por exemplo, na vida real, quando começam a centralizar o controle nas organizações os argumentos são: a padronização dos métodos para sermos mais produtivos e não ficamos reinventando a roda, a economia de escala. 
D
E com estes argumentos começamos a centralização, muito confiantes do que estamos fazendo e do por que estamos fazendo. Quanto mais convictos deste argumento mais forçamos o sistema nesta direção mas em algum ponto, quando muito fora do ponto de equilíbrio, o que acontece é que a força da gravidade começar a pedir por mais equilíbrio do sistema. 
E
Ela começa a nos mostrar que a padronização foi longe de mais e que agora: gastam uma grande energia por causa de nossa burocracia; nossos tempos de resposta estão piorando; nos tornamos muito rígidos quase inflexíveis e incapazes de se adaptar a um ambiente em constante mudança.
Ano: 2010 Banca: CESPE Órgão: INMETRO Prova: Pesquisador - Conhecimentos Básicos
Texto Associado Texto Associado
Imagem Associada da Questão
Mantêm-se a correção gramatical e a coerência entre argumentos no texto ao se
A
substituir a expressão “ulteriores condições” (l.16) por condições prévias
B
retirar o artigo indefinido presente imediatamente antes de “mudança” (l.5). 
C
inserir o termo uma imediatamente antes de “busca” (l.11). 
D
eliminar a expressão “com que” (l.13). 
E
substituir a forma verbal “perdendo” (l.14) por e perca.
Página 1 de 1