Questões

Total de Questões Encontradas: 219

O COBIT 5 define um ciclo de vida de implementação no qual há 3 componentes:
A
Definição de Elementos Responsáveis, Catalogação de Serviços e Análise de Qualidade.
B
Definição de Elementos Responsáveis, Definição de Métricas e Catalogação de Serviços.
C
Definição de Métricas, Gestão de Ciclo Econômico e Capacitação de Mudanças.
D
Implementação de Serviços, Gestão de Ciclo Econômico e Melhoria Contínua.
E
Melhoria Contínua, Capacitação de Mudanças e Gestão do Programa.
O processo denominado, no COBIT 5, Gerenciar a  Segurança está inserido no grupo
A
Alinhar, Planejar e Organizar.
B
Avaliar, Dirigir e Monitorar.
C
Construir, Adequar e Implementar.
D
Entregar, Prestar Serviços e Fornecer Suporte.
E
Monitorar, Avaliar e Analisar.
O COBIT 5 estabelece alguns objetivos corporativos  e outros objetivos de TI. Os números desses objetivos são, respectivamente,
A
15 e 16.
B
16 e 16.
C
16 e 17.
D
17 e 17.
E
17 e 18.
O COBIT 5 identifica, dentre as necessidades de stakeholders (partes interessadas), a criação de valor como objetivo de governança de TI. Dentre os objetivos identificados para essa criação de valor, o COBIT cita d iretamente o(a)
A
aumento do número de funcionários.
B
contratação de consultoria especializada.
C
otimização de recursos.
D
uso de mecanismos de criptografia.
E
uso de software proprietário.
Na publicação Operação de Serviços do ITIL v3, consta o Gerenciamento de Incidentes, que contempla as seguintes atividades (não necessariamente na ordem correta):

         I. Escalação
         II. Fechamento
         III. Priorização
         IV. Registro
         V. Investigação e Diagnóstico 
         VI. Categorização 
         VII. Diagnóstico Inicial 
         VIII. Resolução e Recuperação

A ordem correta para a execução dessas atividades é:
A
III, VII, VIII, I, VI, IV, V e II. 
B
IV, VI, III, VII, I, V, VIII e II. 
C
V, VIII, I, III, IV, VI, VII e II. 
D
VII, III, IV, VIII, I, VI, V e II. 
E
VIII, VII, V, VI, I, III, IV e II.
A publicação Transição de Serviços do ITIL v3 define  os chamados 7 Rs (na língua inglesa) do Gerenciamento de Mudanças. Dois desses Rs que também correspondem a Rs na língua portuguesa são:
A
Rota e Relação.
B
Ramificação e Riscos.
C
Razão e Recursos.
D
Replicação e Retorno.
E
Resposta e Responsável.
A publicação Desenho de Serviços do ITIL v3 estabelece algumas opções de modelos de fornecimento de serviços (delivery), dentre os quais se encontram
A
agreement e multi-sourcing.
B
assembly e co-sourcing.
C
capability e ASP (Application Service Provider).
D
control e no-sourcing.
E
insourcing e outsourcing.
A publicação Estratégia de Serviços do ITIL v3 apresenta algumas medidas relacionadas ao impacto dos negócios. As medidas que dizem respeito à confiabilidade e manutenibilidade, conforme apontadas pelo ITIL v3, são, respectivamente,
A
CMDB (Configuration Management DataBase) e ITSM (IT Service Management).
B
LOS (Line of Service) e FTA (Fault Tree Analysis).
C
LOS (Line of Service) e RACI (Responsible  Accountable Consulted and Informed).
D
MTBF (Mean Time Between Failures) e MTRS  (Mean Time to Restore).
E
RACI (Responsible Accountable Consulted and  Informed) e CMDB (Configuration Management D ataBase).
A publicação Estratégia de Serviços do ITIL v3 define recursos que os provedores de serviço devem possuir. Dentre tais recursos estão:
A
Organização e Pessoas.
B
Conhecimento e Organização.
C
Infraestrutura e Informação.
D
Pessoas e Gerenciamento.
E
Processos e Aplicações.
O PMBOK 5a Edição estabelece uma classificação de  recursos e pessoas participantes de projetos, baseada na estrutura organizacional desses projetos. Segundo essa classificação,
A
a autoridade do gerente de projeto é baixa, considerando uma estrutura matricial fraca da organização.
B
a disponibilidade de recursos é alta, considerando uma estrutura matricial fraca da organização.
C
a disponibilidade de recursos é baixa, considerando uma estrutura projetizada da organização.
D
o gerente de projetos é de tempo parcial, considerando uma matricial forte da organização.
E
o gerente funcional é o responsável por gerenciar o orçamento do projeto, considerando uma estrutura projetizada da organização.
Página 1 de 22