Questões

Total de Questões Encontradas: 20

A respeito dos protocolos de transporte e de roteamento, julgue o item a seguir.
O BGP tem capacidade de estabelecer políticas para o roteamento entre sistemas autônomos, como, por exemplo, não transportar tráfego comercial na rede educacional.
C
Certo
E
Errado
Ano: 2018 Banca: CEBRASPE Órgão: BNB Prova: Analista de TI - Especialista Técnico
Acerca das características de protocolos de roteamento RIP e OSPF, julgue os próximos itens.
No OSPF, os ABR (area border routers) mantêm as informações topológicas de sua área, ao passo que os ASBR (autonomous system border routers) permitem que os pacotes sejam roteados para fora do AS (autonomous system).
C
Certo
E
Errado
Ano: 2018 Banca: CEBRASPE Órgão: BNB Prova: Analista de TI - Especialista Técnico
Acerca das características de protocolos de roteamento RIP e OSPF, julgue os próximos itens.
O protocolo RIPv2 não suporta autenticação.
C
Certo
E
Errado
Acerca das redes IP, julgue os itens subsecutivos.
O BGP, um protocolo por vetor de distância feito para roteamento de sistemas autônomos com conexões TCP entre os roteadores BGP, compara não apenas a distância mínima entre os roteadores, mas também as políticas a serem consideradas para selecionar o melhor caminho. 
C
Certo
E
Errado
Ano: 2015 Banca: NUCEPE Órgão: SEFAZ - PI Prova: Analista - Suporte Júnior
Os roteadores são equipamentos que realizam o encaminhamento dos pacotes. Esta tarefa é realizada com base no protocolo de roteamento.
Dentre as alternativas abaixo, qual corresponde a um protocolo de roteamento entre sistemas autônomos diferentes?
A
BGP.
B
RIP.
C
OSPF.
D
ASoff.
E
DiffRouter.
Ano: 2010 Banca: CESPE Órgão: TJ-ES Prova: Analista Judiciário - Analista de Suporte
Texto Associado Texto Associado
A infraestrutura de redes de computadores de determinado tribunal apresenta topologia em anel, arquitetura token ring no padrão IEEE 802.5 e cabeamento do tipo cabo coaxial. Essa rede necessita ser modificada, com a aquisição e instalação de novos dispositivos de redes, switches e hubs, a fim de apresentar as características seguintes:

I velocidade de 1 Gbps em determinados segmentos de rede;

II rede wireless para visitantes e para equipamentos cadastrados de servidores;

III serviços de voz e vídeo sobre IP;

IV segmento na rede interna exclusivamente para gerenciamento e armazenamento de dados em massa;

V segurança em alguns serviços disponibilizados no sítio do tribunal;

VI serviço de diretórios na rede interna.

Tendo como referência inicial a situação acima descrita, julgue os itens de 71 a 85
Considere que a rede atual do tribunal seja composta por três redes internas (LANs), independentes entre si, e que cada LAN seja um sistema autônomo (SA). Nessa situação, caso seja necessário avaliar as técnicas de roteamento internas e externas, é adequado utilizar o protocolo RIP, se o roteamento for interno, ou seja, dentro do SA; e os protocolos OSPF e BGP, se o roteamento for entre SAs.
C
Certo
E
Errado
O BGP (Border Gateway Protocol) é um protocolo utilizado para o processo de roteamento entre Sistemas Autônomos (SAs) da internet. Uma das diferenças do BGP, com relação ao RIP, é que o BGP
A
estabelece um esquema de roteamento dinâmico, e o RIP, o esquema de roteamento estático com negociação.
B
utiliza o algoritmo Vetor Distância e o RIP utiliza o algoritmo Estado de Link.
C
utiliza o algoritmo Vetor Distância adicionado de políticas entre SAs e o RIP utiliza apenas o algoritmo Vetor Distância.
D
utiliza o algoritmo Estado de Link de conexão para todos os SAs e o RIP utiliza o algoritmo Vetor Distância.
E
limita o número de saltos entre roteadores em 15 para evitar que se formem loops e o RIP não limita, pois a abrangência do SA é limitada. 
Roteamento é o caminho que os pacotes percorrem da origem até o destino, e o responsável são os algoritmos de  roteamento, que determinam o melhor, o de menor custo e o menor caminho entre dois pontos. O BGP (Border  Gateway Protocol – protocolo de roteador de borda) é um protocolo de altíssima complexidade, em que pares de  roteadores trocam informações de roteamento por conexões TCP semipermanentes, utilizando uma porta padrão.  Assinale‐a. 
A
175.   
B
176.     
C
177.    
D
178.    
E
179.  
Ano: 2015 Banca: FGV Órgão: TJ-BA Prova: Analista Judiciário - Tecnologia da Informação
Uma empresa precisa compartilhar um único endereço IP válido para dar acesso à Internet a todos os equipamentos de um escritório. O administrador de redes informou que isso pode ser facilmente implementado por meio da instalação de um equipamento com:
A
IPS;
B
DNS;
C
RIP;
D
NAT;
E
BGP. 
O OSPF − Open Shortest Path First é um dos protocolos de roteamento, do tipo IGP − Interior Gateway Protocol, mais utilizados
em redes de grande dimensão. Se, comparado com o OSPF, o BGP
A
é baseado no estado do link e o OSPF, no vetor de distâncias.
B
é utilizado como IGP em redes locais pequenas e o OSPF, para redes grandes.
C
faz uso do protocolo de transporte e o OSPF não faz uso do protocolo de transporte.
D
é mais simples que o OSPF, sendo assim, menos eficiente como IGP.
E
opera dentro de uma única rede local e o OSPF opera sobre várias.
Página 1 de 2