Questões

Total de Questões Encontradas: 03

Ano: 2008 Banca: CESPE Órgão: TJ-DF Prova: Analista Judiciário - Tecnologia da Informação
Texto Associado Texto Associado
Acerca da organização do Poder Judiciário, julgue os itens subseqüentes.
O ministro-corregedor do Conselho Nacional de Justiça, que deve ser oriundo do Superior Tribunal de Justiça, tem competência para receber reclamações e denúncias, de qualquer interessado, relativas aos magistrados e aos serviços judiciários.
C
Certo
E
Errado
Ano: 2014 Banca: FCC Órgão: TRF 4ª REGIÃO (SUL) Prova: Analista Judiciário - Informática
Considere as seguintes situações processuais:

  I. causa entre Estado estrangeiro e pessoa domiciliada na República Federativa do Brasil.
 II. ação rescisória de julgados dos Tribunais Regionais Federais.
III. homologação de sentenças estrangeiras.

A competência para processamento e julgamento, nas situações em questão, é atribuída, pela Constituição da República, respectivamente, a
A
Tribunais Regionais Federais, Superior Tribunal de Justiça e Supremo Tribunal Federal.
B
Juízes federais, Tribunais Regionais Federais e Superior Tribunal de Justiça.
C
Juízes federais, Superior Tribunal de Justiça e Tribunais Regionais Federais.
D
Superior Tribunal de Justiça, Tribunais Regionais Federais e Juízes federais.
E
Supremo Tribunal Federal, Tribunais Regionais Federais e Superior Tribunal de Justiça. 
É competência do Superior Tribunal de Justiça
A
julgar os conflitos entre a União e os Estados, a União e o Distrito Federal, ou entre uns e outros, inclusive as respectivas entidades da Administração indireta. 
B
processar e julgar originalmente, os conflitos de atribuições entre autoridades administrativas e judiciárias da União, ou entre autoridades judiciárias de um Estado e administrativas de outro ou do Distrito Federal, ou entre as deste e da União.
C
julgar, em grau de recurso, as causas decididas pelos juízes federais e pelos juízes estaduais no exercício da competência federal da área de sua jurisdição. 
D
julgar os crimes previstos em tratado ou convenção internacional, quando, iniciada a execução no País, o resultado tenha ou devesse ter ocorrido no estrangeiro, ou reciprocamente. 
E
julgar, mediante recurso extraordinário, as causas decididas em única ou última instância, quando a decisão recorrida julgar válida lei local contestada em face de lei federal. 
Página 1 de 1