Questões

Total de Questões Encontradas: 959

Texto Associado Texto Associado
Imagem Associada da Questão
Atente para as seguintes afirmações:

I. No primeiro parágrafo, afirma-se que vem sendo processada a cópia eletrônica de livros para preservar a massa de informações dos volumes que lotam nossas bibliotecas.
II. No segundo parágrafo, considera-se não apenas a efemeridade dos últimos suportes de mídia, mas também aspectos éticos envolvidos na transmissão de informações on-line.
III. No terceiro parágrafo, o autor sugere que informações impressas em livro estão mais seguras do que as que se vêem processando em suportes mais avançados.

Está correto o que se afirma em
A
I e III, apenas.
B
III, apenas.
C
II e III, apenas.
D
I, II e III.
E
I e II, apenas. 
Texto Associado Texto Associado
Imagem Associada da Questão
Analisando diferentes mídias, o autor tem sua atenção voltada, sobretudo, para 
A
a fidedignidade das informações que circulam em suportes eletrônicos.
B
o grau de obsolescência dos livros antigos, mormente os centenários.
C
a conservação dos livros, que se vem revelando cada vez mais precária.
D
o conservadorismo de quem rejeita os suportes modernos de informação.
E
a preservação das informações, quaisquer que sejam seus suportes. 
Texto Associado Texto Associado
Imagem Associada da Questão
É correto deduzir das afirmações do texto que
A
os livros feitos de papel de trapo não resistem mais que cinco séculos.
B
a confiabilidade de suportes simples pode superar a dos mais complexos.
C
a limitação da mídia eletrônica revela-se na transmissão de informações.
D
já houve tempo suficiente para se precisar a durabilidade do disco rígido.
E
a obsolescência de todos os suportes de informação tem a mesma causa. 
Texto Associado Texto Associado
Imagem Associada da Questão
Diante do que considera propósitos já estabelecidos pelo diretor e pelo roteirista de um desses filmes sobre tribunais, o autor posiciona-se 
A
contrariamente à possibilidade de que um espectador venha a aceitar os pontos de vista desses profissionais.
B
contrariamente à hipótese de que um espectador  se deixe impressionar pela trama de uma peça ficcional.
C
favoravelmente à reação pessoal e analítica do espectador, que dela não deve nunca se abster.
D
favoravelmente a um gesto de repúdio por parte do espectador, em vista do nível estético dessas produções.
E
favoravelmente a um generoso acolhimento desses propósitos, uma vez que as divergências são fatais.
Texto Associado Texto Associado
Imagem Associada da Questão
Atente para as seguintes afirmações:

I. No 1o parágrafo, afirma-se que os filmes sobre tribunais colocam na berlinda uma instituição cujos valores ou legitimidade não costumam ser contestados.
II. No 2o parágrafo, entende-se que a ocorrência da forma ritual de algum primitivo julgamento já revelava alguma convicção quanto à importância deste.
III. No 3o parágrafo, a pluralidade de papéis que devemos assumir, ao assistirmos a um filme sobre tribunal, subtrai-nos a tentação de nos identificarmos com algum deles em especial.

Em relação ao texto, está correto o que se afirma SOMENTE em
A
I.
B
II.
C
III.
D
I e II.
E
II e III.
Texto Associado Texto Associado
Imagem Associada da Questão
Ao buscar a razão principal do nosso interesse por filmes sobre tribunais, o autor do texto levanta a hipótese de que
A
alimentamos um especial e inconfessável prazer em acompanhar tramas complexas, como as policiais.
B
suspeitamos de tudo e de todos, motivo pelo qual temos interesse por processos de investigação.
C
cultivamos o especial prazer de acompanhar tramas ficcionais que não comprometem o nosso julgamento.
D
identificamos neles uma dramatização de juízos e valores morais que encontra ressonância em nosso íntimo.
E
encontramos nessas formas ficcionais o prazer do exercício de um julgamento que a sociedade já legitimou. 
Texto Associado Texto Associado
Imagem Associada da Questão
No 3o parágrafo, ao introduzir enunciados com as expressões É constrangedor e Igualmente penoso é, o autor está acusando, respectivamente, deficiências de nossas universidades quanto às políticas de
A
equipamento e de pessoal.
B
instalação e de equipamento. 
C
pessoal e de instalação.
D
equipamento e de instalação. 
E
pessoal e de equipamento.
Texto Associado Texto Associado
Imagem Associada da Questão
Atente para as seguintes afirmações:

I. As soluções improvisadas, por não serem as ideais, não devem ter lugar no estabelecimento da estratégia de uma universidade brasileira.
II. É necessário, na estratégia de uma universidade, ponderar de forma mais equilibrada a importância que se deve dar às políticas adotadas.
III. O que os países do primeiro mundo podem nos ensinar, no que diz respeito à estratégia universitária, é a maneira de compensar eventuais deficiências de infraestrutura com o nível de excelência do pessoal.

Em relação ao texto, está correto o que se afirma SOMENTE em 
A
I
B
I e II.
C
II.
D
II e III.
E
III.
Texto Associado Texto Associado
Imagem Associada da Questão
O autor equipara a importância de uma biblioteca à de um laboratório porque ambos 
A
demandam pessoal altamente especializado para a sua implementação.
B
constituem indispensáveis meios para a produção de conhecimento.
C
revelam as prementes necessidades de uma adequada infraestrutura.
D
representam a finalidade mesma a que deve atender uma universidade.
E
estabelecem as condições essenciais para uma política de equipamento. 
Texto Associado Texto Associado
Imagem Associada da Questão
A afirmativa do antropólogo Marcel Mauss, reproduzida no final do texto,
A
é empregada como embasamento para a preferência pelo termo clã como definição do agrupamento de torcedores dos clubes de futebol.
B
torna pouco aceitável o termo tribo para identificar os grupos de torcedores, pois eles nem sempre reconhecem a verdade na história dos clubes.
C
mostra que a identificação do torcedor com o nome do clube vem desde as primeiras tribos que se organizaram em territórios demarcados.
D
busca justificar a constatação de que as atitudes dos torcedores modernos se aproximam dos ritos tribais, com cantos e gritos.
E
possibilita desconsiderar a associação de grupos de torcedores a clãs devido à origem real e documentada, por trâmites legais, dos clubes de futebol.
Página 87 de 96