Questões

Total de Questões Encontradas: 122

Ano: 2010 Banca: ESAF Órgão: MPOG Prova: Analista - Tecnologia da Informação
 Para medir o comprimento global de um programa, a métrica de Halstrad utiliza
A
os números de operadores distintos que aparecem no programa, bem como o número total de ocorrências de operandos.
B
os números de operadores e de operandos distintos que aparecem no programa, bem como o número de segmentos de bancos de dados.
C
os números de operadores e de operandos distintos que aparecem no programa, bem como os números totais de ocorrências de operadores e de operandos.
D
o número de módulos não dependentes que aparecem no programa.
E
a característica de entrada e saída modular, bem como o número total de ocorrências de operadores relacionados.
Ano: 2010 Banca: ESAF Órgão: MPOG Prova: Analista - Tecnologia da Informação
Assinale a afirmativa correta relativa à Análise por Pontos de Função (APF).
A
Uma Consulta Externa é um relacionamento composto por entradas que resultam em uma exclusão de informação.
B
A complexidade de um Arquivo Lógico Interno é calculada a partir da quantidade de Registros Físicos Direcionados.
C
O objetivo principal da APF é medir a funcionalidade de um software ou aplicativo, baseando-se primeiramente no desenho lógico e de acordo com a perspectiva do usuário.
D
São Arquivos Lógicos Internos: cadastros de clientes e de produtos, arquivo de classificação e arquivos temporários.
E
A quantidade de Arquivos Lógicos Internos é calculada a partir da quantidade de Arquivos Referenciados e da manipulação de Dados Elementares.
Ano: 2012 Banca: FUNRIO Órgão: MPOG Prova: Analista - Tecnologia da Informação
Na Análise de Pontos de Função, fatores de ajustamento são usados para fornecer uma indicação da complexidade do problema. Tais fatores de ajustamento são baseados em 14 características gerais do sistema como, por exemplo, Comunicação de Dados e Desempenho.  Qual das alternativas abaixo NÃO é uma característica geral do sistema usada no cálculo do valor do fator de ajustamento? 
A
Entrada de dados online.
B
Reusabilidade.
C
Facilidade operacional.
D
Processamento complexo.
E
Disponibilidade 24x7.
Ano: 2010 Banca: ESAF Órgão: CVM Prova: Analista - Analista de Sistemas
O cálculo dos pontos de função de um projeto de desenvolvimento consiste dos componentes de funcionalidade:
A
reusabilidade de aplicação; reusabilidade de conversão; fator de ajuste da aplicação.
B
funcionalidade de aplicação; funcionalidade de compressão; fator de ponderação da aplicação.
C
reusabilidade de aplicação; funcionalidade de programação; fator de ajuste da aplicação.
D
funcionalidade de aplicação; funcionalidade de conversão; fator de ajuste da aplicação.
E
funcionalidade de programação; funcionalidade de conversão; funcionalidade de manutenção.
Ano: 2010 Banca: ESAF Órgão: CVM Prova: Analista - Analista de Sistemas
Algumas das Características Gerais do Sistema (CGS) são:
A
Comunicação de Dados. Funções intrínsecas. Performance. Especificação de equipamento. Saída de dados on-line. Processamento complexo. Reusabilidade. Facilidade de Implementação.
B
Transmissão de Dados. Funções distribuídas. Modularidade. Fornecedores de equipamentos. Entrada de dados on-line. Processamento complexo. Reengenharia. Múltiplos subprogramas.
C
Comunicação de Dados. Servidores distribuídos. Performance. Configuração de equipamento. Entrada de dados on-line. Processamento cognitivo. Facilidade de Manutenção. Múltiplos locais.
D
Comunicação de Dados. Funções distribuídas. Performance. Configuração de equipamento. Entrada de dados on-line. Processamento complexo. Reusabilidade. Facilidade de Implantação.
E
Transmissão de Dados. Ações distribuídas. Performance. Configuração de equipamento. Entrada de dados on-line e off-line. Direcionamento complexo. Reusabilidade. Facilidade de Implantação.
Ano: 2010 Banca: ESAF Órgão: CVM Prova: Analista - Analista de Sistemas
Baseando-se nas Características Gerais do Sistema (CGS), um dos passos para o cálculo do fator de ajuste é:
A
avaliar o impacto de cada uma das 14 CGS no aplicativo que está sendo contado, atribuindo peso de 0 a 5 para cada característica.
B
calcular o nível de influência por meio da multiplicação dos pesos de cada uma das 14 CGS.
C
avaliar as entradas de cada uma das 14 CGS no aplicativo que está sendo contado, atribuindo peso de 0 a 10 para cada característica.
D
avaliar o impacto de cada uma das 14 CGS no aplicativo que está sendo contado, atribuindo peso de 0 a 10 para cada característica.
E
calcular o nível de influência por meio da soma dos pesos da primeira metade das 14 CGS.
Ano: 2010 Banca: ESAF Órgão: CVM Prova: Analista - Analista de Sistemas
Considerando Arquivos de Interface Externa (AIE), na contagem de Registros Lógicos Referenciados (RLR),
A
caso não haja um subgrupo de informações, conte um RLR para cada dupla de AIE.
B
conte um RLR para cada subgrupo de dados de um AIE, somente quando o subgrupo for mandatório.
C
conte um RLR para cada subgrupo de dados de um AIE, somente quando o subgrupo for opcional.
D
caso não haja um subgrupo de informações, não conte RLR para nenhum AIE.
E
conte um RLR para cada subgrupo de dados de um AIE, seja o subgrupo opcional ou mandatório.
No contexto da Análise de Pontos e Função, dois tipos de entidades são conceituadas a seguir. 

I -  reflete a ligação entre duas ou mais entidades, geralmente utilizada para definir relacionamentos N:N, numa modelagem de dados e resolver regras de negócio entre as entidades envolvidas.
II -  descreve uma ou mais características de outra entidade, sendo que, dependendo do tipo de relacionamento existente entre as entidades, é possível considerar esse tipo de entidade como um tipo de registro ou uma simples extensão da entidade que a descreve.

Os conceitos I e II dizem respeito, respectivamente, aos seguintes tipos de entidades:
A
comutativa e distributiva 
B
atributiva e comutativa 
C
associativa e atributiva 
D
distributiva e associativa
A Análise de Pontos e Função é um método de medição de tamanho funcional, aprovado pelo documento ISO/ IEC20926:2002, que atende aos conceitos definidos na norma ISSO/IEC14143-1. Essa última descreve os princípios gerais aplicáveis a processos de medição de tamanho funcional de software, distinguindo três categorias de usuário, das quais duas são caracterizadas a seguir. 

I -  dizem respeito aos procedimentos e às práticas que o software deve realizar para atender às necessidades de negócio do usuário.
II -  estão relacionados com a tecnologia e o ambiente envolvidos no desenvolvimento, na manutenção, no suporte e na execução do software.

As descrições I e II caracterizam, respectivamente, os seguintes requisitos:
A
de qualidade e de segurança 
B
de segurança e funcionais 
C
técnicos e de qualidade 
D
funcionais e técnicos
Ano: 2014 Banca: IADES Órgão: EBSERH Prova: Analista de Tecnologia da Informação - Processos
A respeito da métrica de análise de pontos de função (APF), utilizada para mensurar o desenvolvimento de sistemas no que se refere a tempo e custo, é correto afirmar que  
A
a contagem não considera trabalhos de estimativa, é sempre exata e invariável. 
B
 se fundamenta na quantidade de linhas desenvolvidas, codificadas. 
C
pode ser aplicada antes do desenvolvimento da solução, levando em consideração a arquitetura do projeto. 
D
depende diretamente da tecnologia adotada para o desenvolvimento, bem como do seu banco de dados. 
E
utiliza cálculos variáveis de acordo com a abordagem para a gestão do projeto. 
Página 8 de 13