Questões

Total de Questões Encontradas: 97

A Arquitetura Orientada a Serviços (Service Oriented Architecture – SOA) é uma forma de arquitetura para sistemas distribuídos que define a presença de agentes, os quais podem assumir o papel de fornecedores ou solicitadores de serviços.

Essa arquitetura caracteriza-se por 
A
especificar estrutura Interna detalhada dos agentes, incluindo suas características, como a linguagem de implementação e a estrutura de suas bases de dados. 
B
especificar mensagens padronizadas e dependentes da plataforma específica de hardware utilizada entre os agentes. 
C
definir serviços em termos das mensagens trocadas entre os agentes e não pelas características internas e específicas desses agentes. 
D
utilizar tecnologias de Web service para implementar um sistema distribuído, o que garante a transformação de uma arquitetura orientada a objetos em uma SOA. 
E
utilizar tecnologias específicas de representação de dados que utilizem padrões baseados em XML.
Uma organização que utiliza um barramento de serviços corporativos deve utilizar como infraestrutura uma arquitetura orientada a serviços.

                                                             PORQUE

O propósito de um barramento de serviços corporativos é fornecer interoperabilidade juntamente com serviços adicionais, tais como segurança e monitoramento.

Analisando-se as afirmações acima, conclui-se que 
A
as duas afirmações são verdadeiras, e a segunda justifica a primeira. 
B
as duas afirmações são verdadeiras, e a segunda não justifica a primeira. 
C
a primeira afirmação é verdadeira, e a segunda é falsa. 
D
a primeira afirmação é falsa, e a segunda é verdadeira. 
E
as duas afirmações são falsas.
Em um ambiente corporativo que usa Arquitetura Orientada a Serviços, vários serviços podem ser executados durante a realização de um único processo de negócio. Nesse contexto, uma das características da orquestração é 
A
definir um processo de negócio como um novo serviço composto de serviços preexistentes no ambiente. 
B
distribuir a execução dos serviços de tal forma que não haja um controlador central da realização do processo de negócio. 
C
executar um processo de negócio de forma colaborativa e sequencial de tal forma que cada serviço (exceto o último) dispare o próximo serviço. 
D
implantar políticas de segurança para restringir o acesso aos serviços componentes da arquitetura implantada. 
E
monitorar a atividade dos serviços componentes da arquitetura para gerenciar o desempenho da execução desses serviços.
Uma característica importante de uma Arquitetura Orientada a Serviços é apresentar componentes de software denominados serviços, que são 
A
compostos por interfaces bem definidas, dependentes de implementação. 
B
consumidos por clientes que não precisam considerar a forma como esses serviços são executados. 
C
definidos para gerar um acoplamento alto entre consumidores e provedores. 
D
localizados através de endereços estaticamente definidos, para eliminar a necessidade de um localizador de serviços. 
E
monitorados por um serviço mestre, que mantém o estado de cada serviço disponível.
Uma das responsabilidades de um Barramento de Serviços Corporativos (ESB) é redirecionar mensagens de uma localização ou ponto terminal (endpoint) para outro.

Qual tecnologia pode ser usada, em conjunto com um ESB, para definir políticas para o redirecionamento de mensagens? 
A
Business Activity Monitoring (BAM)
B
Common Object Request Broker Architecture (CORBA)
C
Service Registry and Repository (SRR) 
D
Message-oriented middleware (MOM)
E
Web Services Management (WSM)
Texto Associado Texto Associado
Com relação aos padrões de interoperabilidade de governo eletrônico 2013 (e-Ping), julgue os itens subsecutivos.
Como diretriz técnica para integração de sistemas de informação, a e-Ping recomenda a adoção gradual da arquitetura orientada a serviços (SOA), utilizando tanto o desenvolvimento de projetos embasados em REST quanto os embasados em SOAP (simple object access protocol) para interconexão em arquiteturas descentralizadas ou distribuídas. 
C
Certo
E
Errado
Em uma arquitetura orientada a serviços (SOA), os componentes básicos são: 
A
provedor de serviço, consumidor de serviço e registro de serviço 
B
provedor de serviço, executor de serviço e consumidor de serviço 
C
descobridor de serviço, solicitador de serviço e biblioteca de serviços 
D
descobridor de serviço, executor de serviço e solicitador de serviço 
E
publicador de serviço, executor de serviço e registro de serviço 
Em Arquiteturas Orientadas a Serviços, os barramentos de serviços corporativos (ESB - Enterprise Service Bus) viabilizam a infraestrutura que permite usar os serviços em ambientes distribuídos. Entretanto, os ESB possuem características técnicas e conceituais que os distinguem, e, em função dessas diferenças, podem ser categorizados.

Associe os tipos de conexão com suas possíveis implementações.
Imagem da Questão
As associações corretas são: 
A
I – P  , II – Q  , III – R 
B
I – Q  , II – S  , III – P 
C
I – R  , II – P  , III – S 
D
 I – R  , II – S  , III – P 
E
I – S  , II – R  , III – Q
Ano: 2013 Banca: CESPE Órgão: MPOG Prova: Analista - Tecnologia da Informação
Texto Associado Texto Associado
No que se refere ao SOA (service-oriented architeture), julgue os itens a seguir.
O SOA promove a integração entre o negócio e a tecnologia da informação por meio de serviços, que são o principal componente dessa arquitetura.
C
Certo
E
Errado
Ano: 2013 Banca: CESPE Órgão: MPOG Prova: Analista - Tecnologia da Informação
Texto Associado Texto Associado
No que se refere ao SOA (service-oriented architeture), julgue os itens a seguir.
De acordo com o SOA, um limite representa a fronteira entre a interface pública de um serviço e sua realização privada. Ultrapassar limites em SOA é barato e altamente recomendado porque torna o serviço público e acessível a outros sistemas.
C
Certo
E
Errado
Página 8 de 10