Questões

Total de Questões Encontradas: 80

A Document Type Definition (DTD) estabelece como os blocos de construção devem ser criados em um documento XML. Os elementos XML possuem uma declaração de elemento como, por exemplo: 
Imagem da Questão
Nesta declaração, o sinal de asterisco (*) declara que o elemento filho telefone 
A
pode ocorrer somente se tiver mais de um elemento cliente. 
B
é da categoria empty. 
C
pode ocorrer zero ou mais vezes dentro do elemento cliente. 
D
pode pertencer a mais de um elemento cliente. 
E
deve ocorrer uma única vez dentro do elemento cliente. 
Em uma aplicação web criada com AJAX, há as seguintes funções em um script JavaScript presentes em uma página HTML, que contém um formulário com os campos id e nome: 
Imagem da Questão
Considere que os dados do formulário são submetidos pela função enviar para a servlet Controle.java existente na aplicação, em condições ideais, e que o retorno da requisição é uma string simples contendo uma mensagem indicando se a operação foi ou não realizada.

Para que as funções estejam corretas, as lacunas I, II e III devem ser preenchidas, respectivamente, por 
A
Imagem da Opção A
B
Imagem da Opção B
C
Imagem da Opção C
D
Imagem da Opção D
E
Imagem da Opção E
Considere o texto abaixo:

Diferentes padrões tecnológicos se destacam quando se planeja a criação de soluções orientadas a serviços. Consequentemente, a integração destes padrões apresenta um conceito vital para organização lógica de SOA. Este conceito é considerado um modelo conceitual tecnológico que se utiliza de padrões e ferramentas de modelagem e desenvolvimento para unir e conectar serviços, aplicações e recursos de TI da organização.

O conceito citado, normalmente considerado um modelo abstrato de troca de mensagens para integração e comunicação dos serviços, é conhecido como 
A
Enterprise Service Bus. 
B
Web Service Bus.
C
Remote Procedure Call. 
D
Model-Driven Architecture. 
E
RESTful Web Service Connector.
O design pattern MVC pode ser utilizado para representar e entender a separação de responsabilidades e a comunicação entre os componentes de uma aplicação para web. Em um site criado utilizando Java EE e o MVC, é correto afirmar que
A
não pode haver comunicação entre os componentes da View e do Model sem passar pelo Controller.
B
as classes de acesso a dados que atendem ao padrão Data Access Object (DAO) são representadas no componente Controller.
C
as páginas JSP e as servlets são representadas, respectivamente, nos componentes View e Model. 
D
as classes que implementam regras de negócio e os arquivos JSP são representadas no componente Controller. 
E
as servlets são representadas no componente Controller e as classes de entidade do banco de dados no componente Model. 
O método a seguir está presente em uma classe de acesso a dados (DAO) de uma aplicação construída com Java utilizando JDBC. 
Imagem da Questão
Considere que:

− a variável conn é da interface Connection, st é da interface PreparedStatement e retorno é uma variável do tipo int, todas declaradas e inicializadas anteriormente.
− uma conexão com um banco de dados que contém a tabela cliente foi estabelecida com sucesso  e em condições ideais.
− a tabela cliente possui os campos abaixo:
         id − inteiro, não nulo, chave primária
         nome − cadeia de caracteres
         renda − real

Nestas condições, para que o método esteja correto, a lacuna I deve ser preenchida com a instrução 
A
st = conn.prepareStatement("insert into cliente (id, nome, renda) values (?, ?, ?)");
B
st = conn.prepareStatement("insert into cliente (id, nome, renda) values (varId, varNome, varRenda)"); 
C
st = conn.preparedStatement("insert into cliente (id, nome, renda) values (?, ?, ?)"); 
D
st = conn.prepareStatement("insert into cliente(id,nome,renda) values( "+varId+","+varNome+" ,'"+varRenda+"')"); 
E
st = conn.executeStatement("insert into cliente values ( '" + varId + "', " + varNome + " , '" + varRenda + "')"); 
Em uma aplicação Java EE há: uma classe EJB chamada ExemploSessionBean.java que não permite manter um estado de conversação com o cliente, uma interface chamada ExemploSessionBeanRemote.java e uma classe cliente desktop chamada Main.java, todas criadas em seus respectivos projetos e em condições de execução ideais. Os fragmentos de código-fonte destas classes são apresentados a seguir, omitindo-se as declarações de pacotes e importação de classes: 
Imagem da Questão
As lacunas I, II, III e IV são preenchidas correta e, respectivamente, pelas anotações 
A
@Statefull, @Override, @Remote e @EJB. 
B
@Stateless, @Override, @Remote e @EJB. 
C
@EJB, @Stateless, @Remote e @EJBInjection.
D
@Stateless, @EntityManager , @RemoteInterface e @EJBInjection. 
E
@Statefull, @EJBMethod, @RemoteInterface e @EJBInjection. 
Em uma aplicação web criada com a versão mais recente do Java EE o conteúdo dos campos id, nome e salario de um formulário são submetidos ao arquivo JSP abaixo:
Imagem da Questão
Considere a existência de uma classe chamada Funcionario.java no pacote bean, que possui os atributos id, nome e salario. Para instanciar um objeto desta classe, a lacuna I pode ser preenchida com a tag
A
<jsp:setInstance id="func" class="bean.Funcionario" scope="all" /> 
B
<jsp:setProperty name="func"  class="bean.Funcionario" scope="yes" /> 
C
<jsp:useBean name="func" class="bean.Funcionario" scope="application" /> 
D
<jsp:setBean id="func"  class="bean.Funcionario" scope="application" />
E
<jsp:useBean id="func" class="bean.Funcionario" scope="request" /> 
A Java API for XML Web Services (JAX-WS), parte integrante da plataforma Java EE, simplifica o desenvolvimento de web services. O ponto inicial para construir um web service com JAX-WS é a criação de uma classe Java conhecida como web service endpoint, que declara os métodos que um cliente pode chamar no serviço. Nesta classe,
A
os métodos de negócios que são expostos aos clientes do web service devem ser anotados com @WebMethod. 
B
o método anotado com @PostConstruct é chamado pelo container depois da classe começar a responder aos clientes do serviço. 
C
os métodos de negócios que são expostos aos clientes do serviço não precisam ter parâmetros e tipos de retorno compatíveis, pois é realizado um parse automático na chamada do método.
D
deve-se colocar uma das anotações @WebService, @WebServiceProvider ou @WebServiceRef antes da sua declaração.
E
os métodos de negócios devem ser públicos ou protegidos e devem ser declarados como static ou final. 
Os servidores do tipo Application Server Web Profile (ASWP) para Java não suportam todos os recursos Java EE, mas um grupo menor de especificações consideradas essenciais para o desenvolvimento web, como servlets, JSP, JSTL e JSF. Alguns destes servidores NÃO suportam EJB, como, por exemplo:
A
JBoss Application Server e JOnAS.
B
Oracle WebLogic Server e Fujitsu Interstage Application Server.
C
Apache Tomcat e Eclipse Jetty.
D
Oracle GlassFish Server e TongTech TongWeb Application Server. 
E
IBM WebSphere Application Server e Apache Geronimo.
O JUnit é um framework para testes de unidades automatizados na plataforma Java. Em uma classe de teste criada no JUnit versão 4
A
é necessário utilizar o método tearDown() para configurar o ambiente de teste depois da execução de cada caso de teste. 
B
os métodos de teste são identificados com a anotação @JUnitTest.
C
é necessário iniciar os nomes dos métodos de teste com a palavra test.
D
é necessário utilizar o método setUp() para configurar o ambiente de teste antes da execução de cada caso de teste.
E
as anotações @BeforeClass e @AfterClass são usadas para marcar métodos que devem ser executados, respectivamente, antes e depois da execução da classe de teste. 
Página 4 de 8