Questões

Total de Questões Encontradas: 80

Afixados nas portas de cinco salas, numeradas de 1 a 5, estão cinco cartazes, um em cada porta, cada um com uma frase que pode ser verdadeira ou falsa. Se o cartaz contiver uma frase verdadeira, o cartaz será chamado de verdadeiro; caso contrário, o cartaz será chamado falso. Em apenas uma sala existe um prêmio e, para ganhá-lo, é preciso determinar, sem abrir a porta, em qual sala ele está, utilizando apenas as informações contidas em cada cartaz.

Porta 1: O prêmio não está na sala 2.
Porta 2: O prêmio não está nesta sala.
Porta 3: O prêmio não está na sala 1.
Porta 4: Pelo menos um dos cinco cartazes é falso.
Porta 5: O cartaz desta porta é falso ou o cartaz da porta da sala em que está o prêmio é verdadeiro. 

De acordo com as frases nos cartazes, o prêmio está na sala de número 
A
1
B
2
C
3
D
4
E
5
Na cidade de Godelia, cada habitante ou é torpe e sempre fala mentiras, ou é probo e sempre fala a verdade, e seus habitantes conhecem a natureza, torpe ou probo, e a profissão de cada outro habitante. Um turista, visitando a cidade, encontrou três casais discutindo, e foi informado, corretamente, que um casal era formado por torpes, outro casal por probos e o terceiro casal tinha um torpe e um probo.

Os casais fizeram as seguintes afirmações: 

Senhor Gyzt: Eu não sou o matemático.
Senhora Gyzt: O senhor Zygt é o matemático.

Senhor Tygz: Eu não sou o matemático.
Senhora Tygz: O senhor Gyzt é o matemático.

Senhor Zygt: O senhor Gyzt é probo.
Senhora Zygt: O senhor Tygz é o matemático. 

Sabendo-se que, dos três maridos, apenas um é o matemático, seu nome e sua natureza são, respectivamente, 
A
Senhor Gyzt, torpe.
B
Senhor Gyzt, probo.
C
Senhor Zygt, probo.
D
Senhor Tygz, probo.
E
Senhor Tygz, torpe.
Alexandre, Carlos e Marcio são amigos, e seus apelidos, não necessariamente nessa ordem, são Titi, Totó e Tutu. Ao serem questionados sobre quem tinha qual apelido, responderam:
  • Alexandre: “Eu sou Titi”
  • Carlos: “Eu não sou Titi”
  • Marcio: “Eu não sou Totó”
No entanto, Paulo, que sabia os apelidos dos três, avisou, corretamente, que apenas um dissera a verdade ao responder à pergunta. Os apelidos de Alexandre, Carlos e Marcio são, respectivamente,
A
Titi, Totó e Tutu.
B
Titi, Tutu e Totó.
C
Totó, Titi e Tutu.
D
Totó, Tutu e Titi.
E
Tutu, Totó e Titi.
Se é quarta-feira, treino tênis por duas horas exatamente. Se treino tênis por duas horas exatamente, então lancho no clube. Após treinar tênis, ou jogo bola ou lancho no clube. Após o último treino de tênis, joguei bola, o que permite concluir que
A
era fim de semana.
B
não era quarta-feira.
C
lanchei no clube.
D
treinei por menos de duas horas.
E
treinei tênis por duas horas exatamente.
Ano: 2013 Banca: VUNESP Órgão: COREN-SP Prova: Analista - Conhecimentos Básicos
De um argumento válido com duas premissas, conclui-se corretamente que João não é pai de Ana. Uma das premissas desse argumento afirma como verdadeiro que João é pai de Ana se, e somente se, Maria é tia de Ana. Sendo assim, uma segunda premissa verdadeira para esse argumento é
A
João é pai de Ana.
B
Ana não é sobrinha de Maria. 
C
Maria é tia de Ana. 
D
João não tem sobrinhos.
E
Maria não tem filhos.
Ano: 2013 Banca: VUNESP Órgão: COREN-SP Prova: Analista - Conhecimentos Básicos
As duas afirmações a seguir são verdadeiras.

   Se João é administrador ou Carlos é enfermeiro, então Marta é médica e Cássio é dentista.  
   Cássio não é dentista.


Das afirmações, pode-se concluir corretamente que
A
João é administrador. 
B
Marta é médica. 
C
Carlos não é enfermeiro. 
D
Marta é médica e João é administrador. 
E
Carlos é enfermeiro e Marta é médica.
Certo dia, cinco Agentes de um mesmo setor do Tribunal de Contas do Estado de São Paulo − Amarilis, Benivaldo, Corifeu, Divino e Esmeralda − foram convocados para uma reunião em que se discutiria a implantação de um novo serviço de telefonia. Após a realização dessa reunião, alguns funcionários do setor fizeram os seguintes comentários:

– “Se Divino participou da reunião, então Esmeralda também participou”;
– “Se Divino não participou da reunião, então Corifeu participou”;
– “Se Benivaldo ou Corifeu participaram, então Amarilis não participou”;
– “Esmeralda não participou da reunião”.

Considerando que as afirmações contidas nos quatro comentários eram verdadeiras, pode-se concluir com certeza que, além de Esmeralda, não participaram de tal reunião
A
Amarilis e Benivaldo. 
B
Amarilis e Divino. 
C
Benivaldo e Corifeu. 
D
Benivaldo e Divino. 
E
Corifeu e Divino. 
Ano: 2014 Banca: CESGRANRIO Órgão: PETROBRAS Prova: Técnico - Técnico de Informática
Suponha que as seguintes afirmações são simultaneamente verdadeiras:
  • Se Antígona toma leite e o leite está estragado, então ela fica doente.
  • Se Antígona fica doente, então ela passa mal e volta para o palácio.
  • Antígona vai ao encontro de Marco Antônio ou volta para o palácio.
Qual afirmação também será verdadeira?
A
Se Antígona toma leite e o leite está estragado, então ela não vai ao encontro de Marco Antônio.
B
Se Antígona fica doente e volta para o palácio, então ela vai ao encontro de Marco Antônio.
C
Se o leite está estragado, então Antígona não o toma ou ela fica doente.
D
Se o leite está estragado ou Antígona fica doente, então ela passa mal.
E
Se Antígona toma leite e volta para o palácio, então o leite está estragado e ela não passa mal.
Ano: 2014 Banca: VUNESP Órgão: DESENVOLVESP Prova: Analista - Analista de Sistemas
Considere as afirmações:

I. A camisa é azul ou a gravata é branca.
II. Ou o sapato é marrom ou a camisa é azul.
III. O paletó é cinza ou a calça é preta.
IV. A calça é preta ou a gravata é branca.

Em relação a essas afirmações, sabe-se que é falsa apenas a afirmação IV. Desse modo, é possível concluir corretamente que
A
a camisa é azul e a calça é preta.
B
a calça é preta ou o sapato é marrom.
C
o sapato é marrom ou a gravata é branca.
D
a calça é preta e o paletó é cinza.
E
a camisa é azul ou o paletó é cinza.
Ano: 2014 Banca: VUNESP Órgão: DESENVOLVESP Prova: Analista - Analista de Sistemas
Se eu falo, então tu te calas. Se não te calas, então ela acorda. Se ela acorda, então eu embalo.

Eu não embalo e não grito.

A partir dessas informações, pode-se concluir corretamente que
A
eu falo e tu te calas.
B
eu falo ou eu grito.
C
tu não te calas e ela não acorda.
D
ela não acorda e tu te calas.
E
ela acorda e eu embalo.
Página 4 de 8