Questões

Total de Questões Encontradas: 237

Ano: 2009 Banca: CESPE Órgão: ANATEL Prova: Analista Administrativo - Conhecimentos Básicos
Texto Associado Texto Associado
Imagem Associada da Questão
Na organização das ideias do texto, se a “paz para todos os indivíduos” (R.17) fosse uma certeza, o modo verbal de “possam” (R.18) teria de ser substituído pelo modo indicativo: podem.
C
Certo
E
Errado
Texto Associado Texto Associado
Imagem Associada da Questão
Em qual das opções abaixo encontra-se a mesma inversão sintática que se observa em “que habitam os demônios da insônia.” (Texto I, . 29)? 
A
“proferiu um deus à estirpe dos insones,” (Texto I, . 1-2)
B
“o insone assemelha-se ao vampiro...” (Texto I, . 4) 
C
“Mas num pesadelo já se está descansando,” (Texto I, . 9) 
D
“...que vivem reclamando de insônia.” (Texto II, . 11) 
E
“Eu as invejava,” (Texto II, . 12) 
Texto Associado Texto Associado
Imagem Associada da Questão
Em qual dos períodos abaixo temos uma relação causal?
A
“E, como o vampiro, o insone também é uma espécie de imortal.” (Texto I, . 5-6)
B
“como em todo sistema, nesse também há alguns pontos críticos.” (Texto I, . 15-16)
C
“Quando me perguntam como é que pode, faço cara de fenômeno...” (Texto II, . 19-20)
D
“Como faço a sesta todo dia, estou bem,” (Texto II, . 30-31) 
E
“Quem puder, faça como eu,” (Texto II, . 42)
Texto Associado Texto Associado
Imagem Associada da Questão
“Assim, estão colocados sérios problemas éticos e também um desafio econômico e social”.

O comentário INADEQUADO sobre os componentes desse segmento textual é:
A
o termo inicial “assim” indica uma explicação do que foi dito antes;
B
a forma verbal “estão colocados” se refere aos sérios problemas éticos e ao desafio econômico e social;
C
“econômico” e “social” se referem ao mesmo substantivo “desafio”;
D
os termos “e também” são redundantes;
E
o substantivo “problemas” está acompanhado por dois adjetivos.
Ano: 2012 Banca: FUNRIO Órgão: MPOG Prova: Analista - Tecnologia da Informação
Texto Associado Texto Associado
As questões 09 a 12 tomarão por base o poema “Tema e Variações”, de Manuel Bandeira:

          Sonhei ter sonhado
          Que havia sonhado.


          Em sonho lembrei-me
          De um sonho passado:
          O de ter sonhado
          Que estava sonhando.


          Sonhei ter sonhado...
          Ter sonhado o quê?
          Que havia sonhado
          Estar com você. Estar?
          Ter estado,
          Que é tempo passado.


          Um sonho presente
          Um dia sonhei.
          Chorei de repente,
          Pois vi, despertado,
          Que tinha sonhado.


(Poesia Completa, Rio de Janeiro: Aguilar, 1968.) 
Sobre a estrutura sintática dos dois períodos da última estrofe, é correto afirmar:
A
O primeiro período é iniciado pelo objeto direto.
B
O segundo período tem duas orações.
C
A última oração é iniciada por um pronome relativo.
D
O adjetivo que está entre vírgulas é um adjunto adverbial de modo.
E
Todos os verbos dessa estrofe são impessoais.
Ano: 2012 Banca: FUNRIO Órgão: MPOG Prova: Analista - Tecnologia da Informação
Texto Associado Texto Associado
As questões 05 a 08 tomarão por base o seguinte parágrafo, extraído da crônica “Percebes?”, de Caetano Veloso:  

         Diante da TV, assistindo a um filme português no Canal Brasil, me deparei com uma experiência que já conhecia de antes mas que pensei que tivesse esquecido. O filme era falado em português europeu e estava legendado em português brasileiro. Foi vendo uma obra de Manuel de Oliveira no cinema que eu tinha passado pela mesma situação. Revivendo-a ao assistir televisão, pensei com mais convencimento que, dado o fato de os brasileiros em geral terem dificuldade de entender a fala lusitana, deve ser aceitável que filmes portugueses passem com legendas no Brasil.

(O Globo, 05 de maio de 2013.) 
O trecho “O filme era falado em português europeu e estava legendado em português brasileiro” está redigido
A
em ordem direta nas duas orações.
B
em ordem direta apenas na primeira oração.
C
em ordem direta apenas na segunda oração.
D
em ordem inversa nas duas orações.
E
em ordem mista nas duas orações.
Ano: 2013 Banca: CESPE Órgão: MPOG Prova: Analista - Conhecimentos Básicos
Texto Associado Texto Associado
Imagem Associada da Questão
A oração “que, em nossos tempos de crise, eles voltem mais uma vez a constituir essa força em um Ocidente sitiado e incerto” (R.19-21) complementa o significado do adjetivo “possível” (R.19). 
C
Certo
E
Errado
Ano: 2013 Banca: CESPE Órgão: MPOG Prova: Analista - Conhecimentos Básicos
Texto Associado Texto Associado
Imagem Associada da Questão
Com relação às ideias e às estruturas linguísticas do texto acima, julgue os itens a seguir.
No trecho “o conceito se aplica tanto aos países ricos quanto aos pobres” (R.2-3), o termo “quanto”, em correlação com o advérbio “tanto”, introduz o segundo elemento de uma comparação de igualdade.
C
Certo
E
Errado
Ano: 2013 Banca: CESPE Órgão: MPOG Prova: Analista - Conhecimentos Básicos
Texto Associado Texto Associado
Imagem Associada da Questão
Com relação às ideias e às estruturas linguísticas do texto acima, julgue os itens a seguir.
No trecho “que ocupam os patamares inferiores da pirâmide social” (R.19-20), o pronome “que” introduz uma oração que restringe a significação do antecedente “os” (R.19). 
C
Certo
E
Errado
Ano: 2010 Banca: ESAF Órgão: CVM Prova: Analista - Conhecimentos Básicos
Texto Associado Texto Associado
Imagem Associada da Questão
Assinale a opção correta a respeito do uso das estruturas linguísticas no texto.
A
Por integrar um termo que complementa “combater”(ℓ.4), o artigo em “a formação”(ℓ.4) poderia receber o sinal indicativo de crase, o que indicaria a inserção da preposição a no texto.
B
Apesar da extensão do período sintático, a inserção de uma vírgula depois de “estrangeiros”(ℓ.6) provocaria erro gramatical e incoerência textual.
C
Como a expressão “imposto de operações financeiras” (ℓ.10 e 11) está escrita, no texto, com iniciais minúsculas, sua sigla também deveria ser grafada com letras minúsculas para atender às regras de ortografia.
D
O uso do modo subjuntivo em “sejam” (ℓ.21) ressalta a ideia de uma hipótese, uma possibilidade; para se fazer uma afirmação, o desenvolvimento textual admitiria a forma de indicativo: são ou serão.
E
Preserva-se a coerência entre os argumentos e a correção gramatical do texto ao usar o verbo existir em lugar de “haver” (ℓ.20), desde que se faça a concordância adequada, escrevendo pode existirem circunstâncias.
Página 19 de 24