Ano: 2015 Banca: CESPE Órgão: TELEBRAS Prova: Especialista em Gestão de Telecomunicações - Engenheiro (Telecomunicações)
Texto Associado Texto Associado
1 Desde 1990, no Brasil, tem havido uma melhora 
sistemática do coeficiente de Gini, índice comumente utilizado 
para medir a desigualdade de distribuição de renda: melhorou 
4 dos 0,603 de 1993 para os 0,501 de 2013. 
Tendo por base os valores de 1998, ano da 
privatização dos serviços de telecomunicações do Brasil, o PIB 
per capita do brasileiro aumentou apenas 35,0% no período
findo em 2014, ao passo que, no mesmo período, a densidade 
de telefones fixos aumentou 84,5% e a de telefones celulares 
10 aumentou 3.114%. 
A penetração dos serviços de telefonia — fixa ou 
móvel — só não foi maior devido ao irrisório crescimento da 
13 renda per capita no período, agravado pela carga tributária
incidente sobre serviços de telecomunicações, essenciais para 
o desenvolvimento sustentável com inclusão social. 
16 No cenário mundial, o Brasil passou do 54.º lugar, em
2002, para o 65.º lugar, em 2013, segundo o índice de 
desenvolvimento de tecnologias de informação e comunicação 
19 (TIC), da União Internacional de Telecomunicações, indicando
que o país está defasado no aproveitamento dos benefícios que 
as TIC propiciam para o desenvolvimento sustentável com 
22 inclusão social e com inserção no mundo globalizado.
Segundo a Pesquisa Nacional por Amostra de 
Domicílios (PNAD) 2013, 92,5% dos domicílios tinham acesso 
25 aos serviços telefônicos — fixos ou móveis. Em 1998, apenas
32% dos domicílios tinham acesso a esses serviços, o que 
indica um volumoso aumento no período mencionado. 
28 No final do primeiro semestre de 2015, 41.310
localidades eram servidas pela telefonia fixa, em função da 
realização das metas do Plano Geral de Metas de 
31 Universalização; no final do primeiro semestre do ano
anterior, eram 40.907 localidades e, em 1992, eram 16.950.
O ambiente socioeconômico do setor de telecomunicações. In: O desempenho 
do setor de telecomunicações no Brasil. Séries temporais 1S15. 
Elaborado pela Telebrasil em parceria com o Teleco. Rio de Janeiro, 
agosto de 2015, p. 7-9. Internet: <www.telebrasil.org.br > (com adaptações)
Com relação às estruturas linguísticas do texto O ambiente socioeconômico do setor de telecomunicações, julgue os seguintes itens. 

Na linha 13, a flexão do termo “agravado” na forma feminina faria que esse termo passasse a concordar com “renda per capita”, sem que isso resultasse em prejuízo para a correção gramatical e para os sentidos do texto.
C
Certo
E
Errado