Ano: 2015 Banca: FCC Órgão: TCM-GO Prova: Auditor de Controle Externo - Informática
Certo tipo de ataque a aplicações web força a vítima, que possui uma sessão ativa em um navegador, a enviar uma requisição HTTP forjada, incluindo o cookie da sessão da vítima e qualquer outra informação de autenticação incluída na sessão, à uma aplicação web vulnerável. Esta falha permite ao atacante forçar o navegador da vítima a criar requisições que a aplicação vulnerável aceita como requisições legítimas realizadas pela vítima.

A prevenção contra este tipo de ataque, geralmente, requer a inclusão de um
A
filtro para todos os dados enviados nas requisições.
B
algoritmo de hash para criptografar todos os dados enviados nas requisições.
C
sniffer para monitorar todo o tráfego HTTP ou HTTPS.
D
token imprevisível em cada requisição HTTP.
E
cabeçalho HTTP na requisição contendo informações falsas sobre sua origem.