Ano: 2012 Banca: CESGRANRIO Órgão: LIQUIGÁS Prova: Profissional de Tecnologia da Informação - Desenvolvimento de Aplicações
Uma árvore B+ difere de uma árvore B no sentido que a árvore B+
A
tem um limite inferior menor do que a árvore B para o número de chaves que um nó interno pode conter. 
B
 tem um limite superior maior do que a árvore B para o número de chaves que um nó interno pode conter 
C
permite que as folhas tenham profundidades variadas enquanto que a árvore B obriga que a profundidade de todas as folhas seja a mesma. 
D
permite um armazenamento maior do que a árvore B.
E
armazena apenas ponteiros de chaves e filhos nos nós internos, enquanto as árvores B armazenam, também, informações “satélite” (ou ponteiros para tais informações) nos nós internos.