Ano: 2019 Banca: FCC Órgão: SEFAZ-BA Prova: Auditor Fiscal - Tecnologia da Informação
Texto Associado Texto Associado
Um Auditor Fiscal da área de TI participou do processo Realizar a Análise Quantitativa dos Riscos de um projeto da SEFAZ-BA realizado com base no PMBOK 5ª edição. O principal benefício desse processo é a produção de informações quantitativas dos riscos para respaldar a tomada de decisões, a fim de reduzir o grau de incerteza dos projetos. Aplicando-se uma técnica de coleta e apresentação de dados sobre riscos, chegaram-se às faixas de estimativas de custos do projeto apresentada a seguir.
Imagem Associada da Questão
Considerando esse cenário,
A
a probabilidade de se completar o projeto na estimativa mais provável, ou seja, abaixo de $50M é muito baixa.
B
a técnica de entrevistar as partes interessadas relevantes ao projeto pode ter sido aplicada, ajudando a determinar as estimativas de três pontos para cada elemento da EAP, seja para a distribuição triangular ou beta.
C
os dados estão na forma de um diagrama de tornado, usado para comparar a importância relativa e o impacto de variáveis que têm um alto grau de incerteza com aquelas mais estáveis e com baixo impacto.
D
os dados resultam da aplicação da técnica de análise de sensibilidade, que é tipicamente executada usando a simulação de Monte Carlo.
E
a técnica análise do valor monetário esperado pode ter sido aplicada, possibilitando comparar a importância relativa e o impacto de variáveis que têm um alto grau de incerteza com aquelas mais estáveis e com baixo impacto.