Ano: 2019 Banca: IADES Órgão: BRB Prova: Analista - Tecnologia da Informação
Texto Associado Texto Associado
As mudanças nos processos de inovação no século 21
assinalam um deslocamento da “Economia da Gestão” para a
“Economia do Empreendedorismo” (Thurik, 2009; Audretsch
e Thurik, 2004). Inicialmente, a ciência e a pesquisa e
desenvolvimento (P&D), implementadas nas grandes
empresas, tiveram uma importante contribuição para as
economias. Nos dias atuais, o empreendedorismo passa a ser
considerado um dos principais focos para a inovação. Thurik
(2009) distingue três fases históricas dessas mudanças nos
processos de inovação, enfatizando, em um contraponto, a
crescente valorização das micro e pequenas empresas (MPE):
I. Schumpeter (1934) atribuiu ao empreendedor um papel
central na produção do desenvolvimento econômico, ao
desafiar e desequilibrar a ordem econômica existente,
viabilizando a introdução de inovações nas empresas, o
que foi chamado de “destruição criativa”.


II. Schumpeter (1942) enfatizou o papel da gestão –
Economia da Gestão – na qual eram as grandes empresas
que dominavam os processos de inovação, em função da
respectiva capacidade de investir em P&D.


III. A partir do final da década de 1970, observa-se
gradativamente a redução da importância da economia de
escala e um reposicionamento do papel das MPE na
forma como novos processos de inovação se
desenvolvem.
Com base nessas informações, assinale a alternativa correta.
A
Observa-se que apenas as grandes empresas com forte capacidade de gestão têm um papel importante no processo de inovação tecnológica.
B
A sofisticação do desenvolvimento tecnológico atual não permite que as MPE participem significativamente do desenvolvimento de produtos, processos e serviços inovadores com impacto nos mercados.
C
Evidencia-se que o foco do esforço de inovação evoluiu da figura do empreendedor como indivíduo, passando pela liderança do grande capital industrial e chegando a uma situação em que as MPE assumem papel importante nesse processo.
D
Evidencia-se que o empreendedor individual tem um papel indispensável na condução do processo de inovação no setor produtivo.
E
Por força do poderio econômico e pela consequente capacidade de investimento das grandes empresas, estas terão sempre vantagem em relação às MPE no tocante ao desenvolvimento de produtos e processos inovadores.